Você está aqui
Início > EM BH > Baianas Ozadas oferece treinamento de vivência percussiva para iniciantes

Baianas Ozadas oferece treinamento de vivência percussiva para iniciantes

Não tem como negar que axé faz uma combinação perfeita com folia para aqueles que gostam de carnaval. Prova disso é o sucesso da folia do bloco Baianas Ozadas, que conquistou o coração dos mineiros com o jeito “ozado” de comandar o animado trio elétrico ao som dos maiores clássicos da música baiana, além de seus vestuários autênticos que representam a legitimidade e irreverência dos carnavais da Bahia. Então, para os foliões que gostam de curtir o carnaval do Baianas Ozadas e tem a vontade de conhecer a energia da festa de dentro do bloco, 2019 pode proporcionar essa oportunidade. É que o Baianas iniciou o ano ainda com vagas abertas para novos participantes da bateria.

Os interessados em fazer parte do desfile devem enviar suas inscrições através do e-mail baianasozadas@gmail.com, com nome completo e telefone de contato. As vagas estão concorridas. Os ensaios e oficinas já estão acontecendo desde o ano passado, mas, ainda está em tempo de receber novos integrantes. Para a bateria, podem participar instrumentistas iniciantes ou mais experientes. Porém, é preciso disposição, dedicação e comprometimento dos batuqueiros, pois a frequência nos encontros semanais de aulas é essencial.

Além disso, o bloco oferece aos participantes, oficinas de formação básica com a missão promover a educação musical dos batuqueiros, criando uma bateria não só alegre, mas bem afinada. Pensando assim, com o objetivo de correr atrás do tempo perdido, os iniciantes, que nunca tiveram contato com os instrumentos, passarão, além dos ensaios aos sábados, por um treinamento de vivência percussiva com encontros semanais. Já aqueles que carregam uma bagagem musical e sabem tocar, serão submetidos apenas a um breve teste de percussão antes de agruparem aos ensaios gerais da bateria para dar tom ao repertório ozado do bloco.

Os encontros da vivência acontecem às terças-feiras no Quintal Estúdio (R. Alabastro, 50 – Horto, Belo Horizonte – MG) e os ensaios aos sábados n’A Fábrica (Av. Tereza Cristina, 295 – Prado, Belo Horizonte – MG). Como contribuição para manter os custos do projeto, é cobrado dos participantes o valor de R$10,00 por ensaio. Já as oficinas, tem valores diferenciados de mensalidade. Mais informações podem ser adquiridas através do e-mail baianasozadas@gmail.com.

Ícaro Ambrósio
Ícaro Ambrósio é jornalista e editor-chefe do site O Contorno de BH.

Deixe uma resposta

Top