Você está aqui
Início > EM MINAS > Vale adota medidas de segurança em Barão de Cocais

Vale adota medidas de segurança em Barão de Cocais

Na última sexta-feira, uma sirene que alerta a possibilidade do rompimento de barragem soou em Barão de Cocais, na região Metropolitana de Belo Horizonte, e 487 foram retiradas dos vilarejos de Socorro, Piteira, Tabuleiro e Vila do Gongo. Todas foram cadastradas, acolhidas e encaminhadas para hotéis ou casas de parentes.

A mina de Congo Soco, em Barão de Cocais (foto: reprodução/flicker).
A mina de Congo Soco, em Barão de Cocais (foto: reprodução/flicker).

Os animais que vivem na região também ganharam atenção especial. Eles estão sendo alimentados e monitorados pela Defesa Civil. Segundo Vale, caso seja necessário, esses animais serão realocados para uma fazenda nas proximidades da cidade.

Tudo isso são medidas preventivas que a mineradora está tomando para evitar mais mortes caso outra de suas barragens vá abaixo. Sobretdo, em nota a empresa alegou que uma vistoria será realizada na barragem e, enquanto isso, as medidas de segurança serão mantidas.

“Uma empresa especializada em análise de estabilidade fará nova inspeção na barragem Sul Superior e emitirá um laudo com suas considerações. A Vale ressalta que a decisão de evacuação das áreas próximas à barragem de Gongo Soco é uma medida preventiva e que seguirá apoiando a população acolhida até que a situação seja normalizada”.

Ícaro Ambrósio
Ícaro Ambrósio é jornalista e editor-chefe do site O Contorno de BH.

Deixe uma resposta

Top