Você está aqui
Início > EM BH > Câmara abre investigação contra Wellington Magalhães

Câmara abre investigação contra Wellington Magalhães

O ex-presidente da Câmara dos Vereadores está na corda bamba. O corpo Legislativo de Belo Horizonte optou por abrir uma segunda investigação contra Wellington Magalhães (DC). Foram 39 votos favoráveis que deram o pontapé para o processo.

Apenas não votaram a atual presidente da câmara, Nely Aquino (PRTB) por conta do regimento, e o vereador Flávio dos Santos (Podemos), que estava ausente. Já o vereador Mateus Simões (Novo), também não votou por ser o autor da denúncia. Por isso, em seu lugar participou o secretário adjunto de Saúde do Estado, Bernardo Ramos.

Conforme a denúncia de Mateus Simões, Magalhães é suspeito de quebra de decoro. O vereador, que usa tornozeleira eletrônica, deve estar confiante porque ele mesmo foi um dos que votaram a favor a investigação a seu respeito.

Foto: reprodução/TV Globo.
Foto: reprodução/TV Globo.

 

Ícaro Ambrósio
Ícaro Ambrósio é jornalista e editor-chefe do site O Contorno de BH.

Deixe uma resposta

Top